Auto-aceitação x críticas sociais

Mariana Goldfarfb, modelo e apresentadora, além de "dona" do coração de Cauã Reymond, define muito bem o assunto auto-aceitação que sempre venho falando. Desta vez, usarei Mariana como exemplo para reafirmar que, mais importante do que o corpo perfeito, é a harmonia corporal e como nos sentimos em relação ao nosso corpo, independente do biotipo. 

Dona de um corpo magrinho, sem muitas curvas e com nível de gordura corporal considerado baixo (11%), procurou profissionais, se adaptou à dieta "low carb" e intensificou os treinos. Com essas mudanças, os resultados vieram: Mariana secou! Chegou aos 7,5% de gordura corporal. Feliz com os resultados, ela achou que tinha motivos para comemorar. Achou. Mas vieram uma enxurrada de críticas nas redes sociais em relação ao seu corpo, conquistado com bastante esforço e sacrifício.

A resposta veio com o recado aos críticos mostrando que, SIM, ela tem muitos motivos para comemorar. Afinal, ela encontrou auto-estima e satisfação consigo mesma, com muito esforço e determinação. O mais importante: está saudável e feliz! 

"Determinação. Entendi o que isso significa. Tenho ouvido muito sobre o meu corpo, opiniões diversas, algumas muito maldosas e aí eu resolvi falar. Gente, eu tô FELIZ assim. Porque vocês também não buscam o que traz felicidade ao invés de ficarem julgando os outros? Cada um é de um jeito. E o que é bonito mesmo NINGUÉM VÊ, porque mora lá dentro. Coisa ruim gera coisa ruim, coisa boa gera coisa boa. Não é tão difícil assim de entender."

Assuntos relacionados: outros