Por que algumas pessoas mudam tanto após a bichectomia e outras não?

A bichectomia é a cirurgia de "afinamento de rostos". Tem esse nome exótico porque ela é feita por meio da redução das bolas de Bichat, que é o nome do coxim gorduroso da região profunda das bochechas.

Realizada por nós cirurgiões plásticos a partir dos anos 70, parece entrou na moda depois de sair no Fantástico e, principalmente, depois que outros profissionais começaram a fazer indiscriminadamente e a propagandear nas redes sociais.

Algumas pessoas têm ótimos resultados quando a bichectomia é bem indicada. Em outros casos, os resultados são muito pobres pois existem 3 motivos para o aumento das bochechas: 

  • Hipertrofia da gordura das bolas de Bichat; 
  • Hipertrofia da gordura do tecido subcutâneo; 
  • Hipertrofia do músculo masseter, que é o músculo da bochecha responsável pela mastigação. 

A bichectomia só dá bom resultado no primeiro motivo. Quando a pessoa é bochechuda por acúmulo de gordura no subcutâneo, essa cirurgia não adianta muito. O tamanho da bochecha no subcutâneo pode reduzir com a perda de peso mas, para uma solução rápida, a lipoaspiração da região é melhor indicada do que a bichectomia. A hipertrofia do masseter é tratada com toxina botulínica.

Como diferenciar? Com algumas perguntas, exame físico e exames de imagem, mais precisamente, tomografia computadorizada. Você não tem como saber diagnosticar a diferença, porém não se preocupe, basta procurar um cirurgião ético que ele vai fazer o diagnóstico e indicar a melhor opção de tratamento para suas bochechas.

Assuntos relacionados: bichectomia



Artigos relacionados


Perguntas

Valderi
Otoplastia
"Otoplastia, eu gostaria de fazer a cirurgia para corrigir orelhas de abano. Para fazer só a avaliação é cobrado? Qual o valor? Obrigado."

Delceni
Preços
"Quanto custa a consulta para fazer uma avaliação d uma coxoplastia?"